• @vitorcorrea13

Galinhada


Galinhada é aquele prato que todas as regiões do País adicionam algum ingrediente bem característico da culinária local. Aqui no sul, por exeplo, a gente costuma acrescentar o pimentão. Pra mim, ele é essencial para o complemento desta receita.

Particularmente, eu tenho um sério problema com alimentos que contenham osso. Ainda bem que nesta nova temporada do Cozinha Prática a Rita Lobo reinventou esta receita colocando, apenas, peito de frango. Eu, é claro, já testei também... E conseguiu ficar ainda mais maravilhoso! Mas assim, aqui em casa o pessoal amou tanto com pedaços de frango com osso quanto a sem osso... Isso é muito peculiar de cada um... Que fique claro!


Esta receita é tão prática que eu já fiz uma releitura da mesma substituindo alguns ingredientes... A partir desta receita, eu produzi um carreteiro express... Fica sensacional!!! A receita é simples, ideal para refeições rápidas do meio da semana e, extremamente, rica em seus sabores!


Este é aquele tipo de receita que todo mundo quer repetir! E você também irá querer!


Ingredientes

1 frango cortado a passarinho 1 1/2 xícara (chá) de arroz 3 xícaras (chá) de água 150 g de quiabo (cerca de 10 unidades) 1/3 de xícara (chá) de folhas de coentro 3 tomate maduros do tipo débora 1 cebola 2 dentes de alho 4 ramos de tomilho 8 talos de cebolinhas caldo de 1 limão 1 colher (sopa) de cominho em pó 1 colher (chá) de páprica doce 1 colher (chá) de colorau 1 folha de louro 2 colheres (sopa) de azeite sal a gosto

Modo de Preparo

1. Lave e seque todos os legumes e ervas. Descasque e pique fino os dentes de alho e a cebola. Debulhe o tomilho. 2. Lave em água corrente e seque bem o frango com um pano de prato limpo, sem retirar a pele. 3. Leve uma panela grande ao fogo médio. Quando aquecer, regue com o azeite e doure alguns pedaços de frango por vez - se colocar de uma vez, vai cozinhar no próprio vapor; o resultado seria uma carne ressecada e pálida em vez de pedaços dourados e suculentos. Com uma pinça, vire cada pedaço para dourar de todos os lados. No total, você precisa temperar com 1 colher (sopa) de sal. (Dica: separe numa tigelinha e vá usando à medida que vira os pedaços.) Transfira para uma tigela e repita o procedimento com o restante. 4. Mantenha a panela em fogo médio, adicione a cebola e refogue por cerca de 2 minutos, até dourar (caso tenha formado muita gordura do frango, antes de refogar a cebola, retire um pouco com uma colher e descarte). 5. Quando a cebola dourar, junte o colorau, a páprica, o cominho e 1 colher (chá) de sal. Misture bem. Acrescente o alho e mexa por apenas 1 minuto. 6. Junte ao refogado 3 xícaras (chá) de água e o caldo do limão. Misture com uma espátula, raspando bem o fundo da panela. Aumente o fogo para alto. 7. Assim que a água começar a ferver, abaixe o fogo, junte o arroz e o frango dourado na panela. Misture rapidamente e deixe cozinhar por 10 minutos, com a tampa entreaberta. 8. Enquanto isso, retire as pontas e fatie o quiabo em rodelas de 1 cm. Após o cozimento inicial do arroz (10 minutos), junte o quiabo e misture. Deixe cozinhar por mais 10 minutos, ou até a água secar. 9. Enquanto isso, corte os tomates ao meio, retire as sementes com o dedão e aperte cada metade contra a tábua (para aplainar); corte as metades aplainadas em tiras e as tiras, em cubos. Fatie fino os talos de cebolinha. 10. Desligue o fogo e, abra a panela, junte metade do tomate e misture. Tampe a panela e deixe descansar por 5 minutos para o arroz terminar de cozinhar no próprio vapor. 11. Na hora de servir, misture metade da cebolinha na galinhada. O restante do tomate picado e da cebolinha use para finalizar os pratos. Regue com um fio de azeite e pimenta-do-reino moída na hora a gosto.

(Receita da apresentadora Rita Lobo disponível em: Panelinha)

POSTS RECENTES